Segunda-feira, 17 de Janeiro de 2022 Pesquisa no site
 
A OBORÉ
  Abertura
  Histórico
  Missão
  Frentes de Trabalho
  Parceiros
  Prêmios
  Fale Conosco
  Galeria de Fotos
Núcleo de Rádio
Núcleo de Cursos
Núcleo de Gestão da Informação
Notícias
Atividades Especiais
  Rubens Paiva e Sandra Passarinho serão homenageados em cerimônia do 36º Prêmio Vladimir Herzog

  22/10/2014

Neste ano, a jornalista Sandra Passarinho e o deputado federal Rubens Paiva (in memoriam) serão homenageados na 36ª edição do Prêmio Jornalístico Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos. A cerimônia acontece em 29 de outubro, às 20h, no Teatro TUCA, em São Paulo.

Rubens Paiva, que teve recentemente a história de seu assassinato recontada graças aos esforços da Comissão Nacional da Verdade, foi indicado ao Prêmio Especial por sua atuação na defesa da Democracia no Brasil. Sua carreira política foi iniciada enquanto jovem e, em 1962, foi eleito deputado federal por São Paulo sob a legenda do PTB e foi cassado em 1964, após o golpe militar. O jornalista desempenhou papel fundamental na mudança de rumos na vida do país não só como militante estudantil, deputado federal eleito e cassado, e profissional da área da engenharia, mas também como diretor de jornais significativos, como “O São Bento” (1945/47), “Folha Mackenzista” (1951), o “Jornal de Debates”, em sua fase paulista (1955), e no “Jornal Última Hora”, edição de São Paulo (1965).

Também atuante no âmbito dos direitos democráticos, Sandra Passarinho foi escolhida para receber o Prêmio Especial por suas contribuições ao telejornalismo brasileiro. Formada em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, Sandra foi a primeira correspondente da Rede Globo na Europa. Seu nome sempre esteve atrelado a pautas relacionadas a questões sociais e política, sendo responsável pela cobertura da Revolução dos Cravos, em Portugal, em abril de 1974. Repórter da TV Globo, Sandra continua cobrindo eventos ligados à Democracia.

Desde 2009, a Comissão Organizadora do Prêmio Vladimir Herzog indica personalidades para serem agraciados com o Prêmio Especial por relevantes serviços prestados às causas da Democracia, Paz, Justiça e contra a Guerra. A iniciativa retoma proposta original que previa tal homenagem a personalidades ou jornalistas que jamais inscreveriam seus trabalhos em qualquer tipo de concurso. Já foram homenageados: Lourenço Diaféria (in memoriam), David de Moraes, Audálio Dantas, Elifas Andreato, Alberto Dines, Lúcio Flavio Pinto, Perseu Abramo (criador do Prêmio, in memoriam), Marco Antônio Tavares Coelho e Raimundo Pereira.  


SERVIÇO

36º Prêmio Jornalístico Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos

Solenidade de premiação: 29 de outubro, quarta-feira, 20h
Local: TUCA – Teatro da Universidade Católica | Rua Monte Alegre, 1024, Perdizes | São Paulo  
 
 
 
   
  » Indique essa página a um amigo
 
 
 
Avenida Paulista, 2300 | Andar Pilotis | Edifício São Luis Gonzaga | 01310-300
São Paulo | SP | Brasil | 55 11 2847.4567 | (11) 99320.0068 |
obore@obore.com

Desenvolvimento

KBR Tec - Soluções Online